Membros

Foto do membro Renato de Castro Garcia

Renato de Castro Garcia | Logotipo Lattes

renato.garcia.unicamp@gmail.com

Instituição: IE-UNICAMP
Curso: Professor - Doutor em Ciência Econômica
Início do curso: 1992
Entrada no GEEIN: -

Perfil

Economista, graduado pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1991), Mestre (1996) e Doutor (2001) em Economia pela Universidade Estadual de Campinas. Foi Professor do Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo de 2002 a 2014. Atualmente é professor do Instituto de Economia da Universidade Estadual de Campinas, em regime de dedicação exclusiva (MS3; RDIDP). É editor-adjunto da Revista Brasileira de Inovação e coordena um projeto de pesquisa, com apoio da Fapesp, sobre o tema "Geografia da Inovação". Seus trabalhos de pesquisa estão inseridos na área de Economia, com ênfase em Economia Industrial e da Tecnologia, atuando principalmente em temas como geografia da inovação, sistemas locais de produção e aglomerações de empresas, interações universidade-empresa, indústria brasileira, política industrial, estratégias empresariais e metodologia de análise regional.

Projetos de pesquisa

2017 - Atual

Indústria 2027: Riscos e Oportunidades para o Brasil Diante de Inovações Disruptivas
Descrição: O projeto Indústria 2027: Riscos e Oportunidades para o Brasil Diante de Inovações Disruptivas pretende apontar, para diferentes Sistemas Produtivos e Clusters de Inovações Disruptivas, as principais tendências no plano nacional e internacional, os processos associados de geração e difusão e seus determinantes, as transformações e os impactos potenciais, principalmente sobre a competitividade empresarial e delinear quais deveriam ser as estratégias públicas pertinentes para fortalecer a capacidade de resposta dos sistemas empresarial, de pesquisa e de formação profissional no Brasil..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Renato de Castro Garcia - Integrante / Luciano Galvão Coutinho - Coordenador / Antonio Carlos Diegues - Integrante / Ariana Ribeiro Costa - Integrante.
Financiador(es): Confederação Nacional da Indústria - DF - Auxílio financeiro.


2016 - 2017

O Centro Paula Souza integrando-se ao sistema paulista de inovação, suas redes temáticas e arranjos regionais: projeto piloto na região do Vale do Paraíba (PROGRAMA DE PESQUISA EM POLÍTICAS PÚBLICAS - FAPESP, processo no. 2015/50044-0)
Descrição: O principal objetivo do projeto proposto é o desenvolvimento de uma metodologia que permita que o Centro Paula Souza exerça papel mais ativo na promoção do desenvolvimento regional do estado de São Paulo, por meio de ações que estimulem o reforço da competitividade das empresas, especialmente de pequeno e médio porte, das regiões do estado. O Centro Paula Souza possui uma estrutura de formação de mão de obra de nível técnico e tecnológico que se destaca pela sua elevada capilaridade, uma vez que suas unidades se espalham por todas as regiões do estado. Além disso, as diversas unidades do Centro Paula Souza também se destacam pela sua aderência às capacitações das estruturas produtivas localizadas das regiões do estado de São Paulo, uma vez que diversas das unidades de ensino foram estabelecidas a partir de demandas de formação de mão de obra das estruturas produtivas locais. Nesse sentido, configura-se um cenário bastante adequado para que as demandas de capacitações de empresas locais, das diversas regiões do estado de São Paulo, sejam atendidas, de modo mais adequado, por profissionais ligados ao Centro Paula Souza. Estudos prévios, da literatura internacional (D?Este e Iammarino, 2010; Laursen et al, 2010) e aplicados ao Brasil (Garcia et al, 2014), mostram a importância das instituições de ensino e pesquisa para atendimento das demandas das empresas geograficamente próximas, mesmo quando essas instituições apresentam desempenho acadêmico mais modesto. Para isso, as principais atividades do projeto estarão relacionadas com: 1. Levantamento da estrutura produtiva local das regiões do estado de São Paulo; 2. Levantamento das capacitações existentes nas unidades do Centro Paula Souza; 3. Desenvolvimento de uma metodologia que permita viabilizar a aproximação das demandas das empresas locais das regiões do estado de São Paulo e as capacitações do Centro Paula Souza; e, por fim, 4. Estabelecimento de um projeto-piloto nas unidades do Centro Paula Souza da região do Vale do Paraíba..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Renato de Castro Garcia - Coordenador / Oswaldo Massambani - Integrante / MASCARINI, SUELENE - Integrante / COSTA, ARIANA - Integrante / Emilena Lorenzon - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.


2016 - Atual

Geografia da inovação: uma análise da importância da proximidade geográfica para a inovação e implicações de políticas (Bolsa PRODUTIVIDADE EM PESQUISA - 2015)
Descrição: O principal objetivo desta proposta de pesquisa é avaliar a importância e os efeitos da proximidade geográfica para o estímulo à inovação. Assim, este projeto tem o intuito de investigar como os fatores ligados à proximidade geográfica e à co-localização dos agentes pode afetar o processo de circulação de informações e o compartilhamento de conhecimentos entre os agentes locais, com efeitos importantes sobre as atividades inovativas empresariais. Para isso, são traçadas três linhas mestras de análise. Em primeiro lugar, serão realizados estudos empíricos, com uso de ferramentas econométricas, voltados para a compreensão dos fatores que determinam a importância da geografia da inovação. A segunda linha de investigação está relacionada com a com a dimensão local da interação universidade-empresa, cujo pressuposto principal é de que a universidade é uma importante fonte de informações e conhecimento para a atividade inovativa das empresas. O terceiro eixo de análise envolve a realização volta-se ao estudo de sistemas locais de produção ou APLs (Arranjos Produtivos Locais), como são comumente chamados no Brasil. Para o desenvolvimento desse eixo de investigação, serão selecionadas algumas experiências de sistemas locais de produção no Brasil para um estudo qualitativo mais aprofundado. Os principais resultados esperados desta proposta de pesquisa envolvem a melhor compreensão dos fenômenos ligados à geografia da inovação, sobretudo no que se refere à dinâmica dos transbordamentos locais de conhecimento e seus efeitos sobre as atividades inovativas das empresas. Nesse sentido, além dos mecanismos tradicionais de transbordamentos de conhecimentos, foco será dado à interação universidade-empresa, que representa uma importante fonte de conhecimento para a inovação das empresas e, por isso, será objeto de uma investigação mais aprofundada. Além disso, os estudos qualitativos permitirão a compreensão de especificidades locais, especialmente àquelas relacionadas com as formas de organização industrial do sistema local e o papel das instituições de apoio e de prestação de serviços..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Renato de Castro Garcia - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.


2014 - Atual

Transnational Diaspora Entrepreneurship as a Development Link between Home and Residence Countries - Diaspora Link
Descrição: DiasporaLink is a 4-year exchange program between 32 universities and research institutes representing EU, the Americas,Africa and Australia and will investigate, evaluate and facilitate transnational diaspora entrepreneurship, TDE as driver of development and wealth creation in countries of origin and residence. The partners in DiasporaLink have together a unique possibility to have a substantial impact on a global, European and national level targeting different groups and stakeholders: The international research community; Institutions and policy makers in the social, economic and development field; Diaspora organizations and communities; Media and press. Core tasks are: Structure research on diaspora cross-border entrepreneurship in migration corridors; Create awareness among policy and decision makers of the potential of TDE through publications and a web-site; Build a IT-curricula for transnational entrepreneurship within and outside the universities; Build an ICT-platform for internal communication and for transnational team building. The exchange of staff is built around research in common WP?s and around regular and touring workshops both internal and external. The objective is to create a global, extended university network with the mission to monitor the entrepreneurship in migration corridors, define obstacles and support the corridor stakeholders with information and tuition. Essential is close contacts with diaspora entrepreneurs and diaspora organizations are systematically approached through workshops and media, for involving diaspora organizations as active partners..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Renato de Castro Garcia - Integrante / Shahamak Rezaei - Coordenador / Rolf Sternberg - Integrante / Tsegaye Tegenu - Integrante / Leo Paul Dana - Integrante / Ricard Zapata-Barrero - Integrante / Thomas Cooney - Integrante / Maria Lucinda Cruz - Integrante / Sonny Nwankwo - Integrante.
Financiador(es): Comissão Européia - Auxílio financeiro.


2014 - Atual

Innovation Systems, Strategies and Policy (Programa SPEC/ FAPESP - São Paulo Excellece Chair)
Descrição: InSySPo is a project that belongs to São Paulo Excellece Chair (SPEC) programme funded by FAPESP. The project aims at: (i) reinforcing research excellence on innovation policy and management at the University of Campinas (UNICAMP); (ii) further internationalizing the work of Department of Science and Technology Policy; and (iii) placing UNICAMP among the top ranking academic units in the field on a global scale. The project has four areas of concentration: ? systems of innovation, ? programme and policy appraisal and evaluation, ? strategic partnerships and networks, and ? knowledge-based entrepreneurship Doctoral and post-doctoral training is a core part of the project with several positions to be announced in its duration (see annoucements in the sidebar on the left). All these positions are international aiming at attracting to UNICAMP strong talent from all over Brazil and abroad. The programme promotes academic research, publications in refereed journals and books, grant and contract work, executive training, seminars and workshops, and public engagement in the form of advising to both governments and the private sector thus extending the already significant engagement of UNICAMP with both sectors. The InSySPo project will also organize five international workshops and two conferences during its first five years. The emphasis on internationalization underscores the strong interest of the SPEC programme to engage in research collaboration with foreign entities, including research organizations as well as the private sector. The InSySPo project is especially interested in making connections to the developed world including the United States, the European Union, East and South-East Asian countries like Japan, Korea, and Singapore, as well as Australia and New Zealand. Moreover, the programme is very much interested in engaging with emerging economies ? BRIICS and beyond. Traditionally strong ties with academic institutions in Latin American countries will be reinforced..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Renato de Castro Garcia - Integrante / Sergio Robles Queiroz - Integrante / Sergio Salles - Integrante / Andre Tosi Furtado - Integrante / Adriana Bin - Integrante / Ana Flavia Portilho Ferro - Integrante / Flavia Luciane Consoni - Integrante / Nicholas Vonortas - Coordenador / Charles Edquist - Integrante / Janaina Oliveira Pamplona da Costa - Integrante / Bruno Brandão Fischer - Integrante / Paula F. Drummond de Castro - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.


2013 - 2016

Geografia e inovação: Uma análise dos efeitos da aglomeração industrial e suas implicações de políticas (AUXÍLIO PESQUISA FAPESP no. 2012/23.370-5)
Descrição: Esta pesquisa tem como objetivo principal a investigação dos elementos que justificam a importância da dimensão local da inovação e, desse modo, expressam as ligações entre geografia e inovação. Assim, este projeto tem como intuito analisar o conjunto de elementos que são capazes de fomentar os processos de circulação de informações e de compartilhamento de conhecimentos entre os agentes locais, com efeitos importantes sobre as atividades inovativas das empresas. Para isso, o projeto está estruturado em três principais eixos de análise complementares. Em primeiro lugar, serão realizados estudos empíricos, com uso de ferramentas econométricas, voltados para a mensuração das relações entre geografia e inovação e dos transbordamentos locais de conhecimento, principalmente a partir de diversos trabalhos prévios da literatura internacional, dada a existência de diversos estudos que buscaram avaliar a importância dos transbordamentos locais de conhecimento para o fomento das atividades inovativas das empresas. O segundo eixo será ligado à avaliação do papel da proximidade geográfica para o estímulo às interações universidade-empresa, uma vez que diversos trabalhos prévios mostraram que as formas de interação entre a pesquisa acadêmica e os esforços de P&D das empresas possuem forte caráter local. O terceiro eixo volta-se ao estudo de sistemas locais de produção, em que serão selecionadas algumas experiências de sistemas locais de produção no Brasil para um estudo qualitativo aprofundado. Como resultado, espera-se que o projeto avance na compreensão dos fenômenos ligados à geografia e inovação, sobretudo no que se refere aos fatores que são capazes de estimular o estabelecimento de fluxos locais de conhecimento e, dessa forma, fomentar as atividades inovativas das empresas. Esses resultados estarão consubstanciados em publicações científicas em revistas de elevado impacto, na apresentação de trabalhos em eventos acadêmicos e na formação de jovens pesquisadores, através da orientação de teses de doutoramento, dissertações de mestrado e trabalhos de iniciação científica, além da organização de seminários para discussão e difusão dos resultados alcançados. Além dos avanços acadêmicos, esses resultados também serão utilizados para subsidiar uma discussão dos desdobramentos normativos relacionados à aglomeração dos produtores e de outros agentes que podem contribuir para o fomento das atividades inovativas nas empresas. Assim, os resultados alcançados deverão subsidiar a elaboração de diretrizes de políticas industriais e de ciência e tecnologia, que sejam capazes de melhor aproveitar os benefícios da proximidade geográfica entre os agentes econômicos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Renato de Castro Garcia - Coordenador / José Eduardo Roselino - Integrante / Wilson Suzigan - Integrante / Gabriela Scur da Silva - Integrante / Antonio Carlos Diegues - Integrante / Andrea de Oliveira Silva - Integrante / Veneziano de Castro Araújo - Integrante / Conceição Fátima da Silva - Integrante / Suelene Mascarini - Integrante / Emerson Gomes dos Santos - Integrante / Ariana Ribeiro Costa - Integrante / Boris Alejandro Villamil-Ramirez - Integrante / Alexandre Augusto Pereira Gaino - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 2


2013 - 2016

Geografia e inovação: uma análise dos efeitos da aglomeração industrial e suas implicações de políticas (Bolsa PRODUTIVIDADE EM PESQUISA - 2012)
Descrição: O principal objetivo desta proposta de pesquisa é a investigação dos elementos que justificam a importância da dimensão local da inovação e, desse modo, expressam as ligações entre geografia e inovação. Assim, este projeto tem como intuito analisar o conjunto de elementos que são capazes de fomentar os processos de circulação de informações e o compartilhamento de conhecimentos entre os agentes locais, com efeitos importantes sobre as atividades inovativas das empresas. Para isso, são traçadas três linhas mestras de análise. Em primeiro lugar, serão realizados estudos empíricos, com uso de ferramentas econométricas, voltados para a mensuração das relações entre geografia e inovação e dos transbordamentos locais de conhecimento. Essa investigação deverá basear-se em trabalhos prévios da literatura internacional, dada a existência de diversos estudos que buscaram avaliar a importância dos transbordamentos locais de conhecimento para o fomento das atividades inovativas das empresas. Esses trabalhos deverão inspirar a realização de estudos semelhantes aplicados, e adaptados, à experiência brasileira, assim como de estudos comparativos internacionais. Em segundo lugar, será avaliado o papel da proximidade geográfica para o estímulo às interações universidade-empresa. Diversos trabalhos na literatura internacional e no Brasil têm mostrado que as formas de interação entre a pesquisa acadêmica e os esforços de P&D das empresas possuem forte caráter local, uma vez que em diversas experiências pode ser verificada a colocalização da universidade e das empresas que interagem. Assim, a partir desse pressuposto principal, será possível avaliar o papel da dimensão local para o fomento das formas de transferência de conhecimentos da universidade para as firmas e a importância da proximidade geográfica para o estímulo aos processos de circulação de conhecimentos entre a universidade e as empresas. O terceiro eixo de análise volta-se ao estudo de sistemas locais de produção ou APLs (Arranjos Produtivos Locais), como são comumente chamados no Brasil. Para o desenvolvimento desse eixo de investigação, serão selecionadas algumas experiências de sistemas locais de produção no Brasil para um estudo qualitativo mais aprofundado. Como se sabe, o fenômeno dos sistemas locais de produção é verificado em diversos casos no Brasil, tanto em indústrias produtoras de bens de consumo, com em setores mais intensivos em tecnologia. Para selecionar os casos que serão estudados de modo mais aprofundado, o projeto de pesquisa vai se apropriar de mapeamentos já realizados, além de estudos prévios sobre as formas de organização do sistema local. Os principais resultados esperados desta proposta de pesquisa envolvem a melhor compreensão dos fenômenos ligados à geografia e inovação, sobretudo no que se refere à dinâmica dos transbordamentos locais de conhecimento e seus efeitos sobre as atividades inovativas das empresas. Nesse sentido, além dos mecanismos tradicionais de transbordamentos de conhecimentos, foco será dado à interação universidadeempresa, que representa uma importante fonte de conhecimento para a inovação das empresas e, por isso, será objeto de uma investigação mais aprofundada. Além disso, os estudos qualitativos permitirão a compreensão de especificidades locais, especialmente àquelas relacionadas com as formas de organização industrial do sistema local e o papel das instituições de apoio e de prestação de serviços..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Renato de Castro Garcia - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.


2013 - Atual

Interação Universidade-Empresa e Capacidade de Absorção de Firmas no Brasil
Descrição: O principal objetivo desta pesquisa é compreender a relação entre a interação de empresas com universidades e a capacidade de absorção das firmas para a obtenção de resultados positivos da interação. A compreensão a respeito do estabelecimento de interação das firmas com universidades exige a análise de diferentes elementos influenciadores neste processo, tais como: proximidade geográfica e relacional entre firmas e universidade, existência de uma base de conhecimento científico vinculada às necessidades das atividades produtivas das regiões, capacidade absortiva das firmas, entre outros aspectos. Nesse sentido, a pesquisa pretende aprofundar a compreensão a respeito da relação entre a capacidade de absorção das firmas e o estabelecimento da interação universidade-empresa. A busca pela firma por conhecimento externo para oportunizá-la a geração de inovações é cada vez mais necessária devido ao elevado grau de especificidade no desenvolvimento do conhecimento científico e tecnológico na contemporaneidade. Entretanto, para buscar e aplicar esse conhecimento é necessário que a firma tenha uma capacidade específica denominada de capacidade de absorção. Por mais que haja capacidade de geração de conhecimento científico e tecnológico em diferentes áreas de conhecimento nas universidades brasileiras que respondam às necessidades do setor produtivo, para que a interação entre a universidade e a empresa ocorra é necessário mais do que isso, é preciso que as firmas tenham capacidade de absorver esses conhecimentos. Capacidade de absorção é um conceito que pode ser compreendido pela capacidade da firma de adquirir, assimilar, transformar e explorar o conhecimento de fontes externas a ela. O desenvolvimento desse conceito também evoluiu para a distinção entre capacidade absortiva científica e industrial, sendo a primeira aquela relativa à capacidade da firma de absorver conhecimento proveniente de fontes científicas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Renato de Castro Garcia - Integrante / Wilson Suzigan - Integrante / Janaina Ruffoni Trez - Coordenador / Eduardo da Motta e Albuquerque - Integrante / Márcia Siqueira Rapini - Integrante / Orlando Martinelli - Integrante / Julio Eduardo Rohenkohl - Integrante / Daniel Pedro Puffal - Integrante / Andréia Rosa - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.


2013 - Atual

Interação Universidade-Empresa no Brasil: padrões, formatos e implicações de políticas (EDITAL UNIVERSAL 014/2013)
Descrição: O principal objetivo deste projeto é a investigação dos padrões de interação universidade-empresa no Brasil. Nesse sentido, o projeto pretende investigar os vínculos entre a pesquisa acadêmica realizada na universidade e os esforços de P&D empreendidos pelas empresas, de modo a compreender os vínculos e as formas de relacionamento entre as universidades e institutos de pesquisa no Brasil com as empresas, assim como as suas principais implicações de políticas. O papel da universidade tem sido amplamente reconhecido na literatura como uma importante fonte de conhecimento para os esforços inovativos das empresas, especialmente naquelas indústrias em que os resultados da pesquisa acadêmica estão mais estreitamente ligados à inovação industrial. De todo modo, no caso dos países em desenvolvimento, como o Brasil, a universidade pode assumir um papel distinto, pois nesses países verifica-se uma escassa presença de setores de alta tecnologia. Desta forma, em comparação com o papel da pesquisa acadêmica nos países desenvolvidos, é possível que sejam encontradas diferentes características da universidade nas economias em desenvolvimento, assim como distintos padrões de interação com empresas. Com base nesse contexto, a análise dos padrões de interação universidade-empresa no Brasil será realizada neste trabalho a partir de quatro eixos principais. O primeiro eixo insere-se na preocupação relacionada com a discussão teórico-conceitual, que envolve temas como as especificidades da interação universidade-empresa nos países em desenvolvimento e os efeitos da interação universidade-empresa tanto sobre o desenvolvimento industrial e tecnológico, como sobre a pesquisa acadêmica. O segundo eixo está relacionado com os aspectos históricos da interação universidade-empresa, o que envolve estudos sobre as experiências internacionais históricas de interação universidade-empresa e o desenvolvimento tecnológico e o papel da universidade para o desenvolvimento industrial e tecnológico no Brasil. O terceiro eixo relaciona-se com os possíveis recortes temáticos associados a estudos sobre as interações universidade-empresa, como: i) estudos setoriais, por meio de estudos de casos e experiências de interação universidade-empresa, assim como recortes relacionados com as áreas de conhecimento ou setores industriais; ii) regional, que pode abarcar estudos sobre as diferenças regionais dos padrões de interação universidade-empresa e sobre o papel da proximidade geográfica para a interação das empresas com a pesquisa acadêmica; (iii) ambiental, por meio de estudos, por exemplo, sobre a interação com a universidade para a geração de energias renováveis; e (iv) financiamento, que pode envolver estudos sobre as formas de financiamento das interações universidade-empresa e o papel dos programas de subvenção para o fomento das relações de interação entre os esforços de P&D empresariais e a pesquisa acadêmica. Por fim, o quarto e último eixo relaciona-se com os desdobramentos de políticas industrial e de ciência, tecnologia e inovação, uma vez que a discussão engendrada no desenvolvimento do projeto de pesquisa vai certamente trazer importantes elementos para o debate sobre as políticas públicas de apoio ao desenvolvimento científico e tecnológico do Brasil..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Renato de Castro Garcia - Coordenador / Wilson Suzigan - Integrante / Silvio Cario - Integrante / Gabriela Scur da Silva - Integrante / Marcelo Pinho - Integrante / Antonio Carlos Diegues - Integrante / Andrea de Oliveira Silva - Integrante / Janaina Ruffoni Trez - Integrante / Eduardo da Motta e Albuquerque - Integrante / Ana Cristina Fernandes - Integrante / Catari Vilela Chaves - Integrante / Jorge de Nogueira Brito - Integrante / Márcia Siqueira Rapini - Integrante / Conceição Fátima da Silva - Integrante / Suelene Mascarini - Integrante / Walter Tadahiro Shima - Integrante / Achyles Barcelos da Costa - Integrante / Carla Cristina Rosa de Almeida - Integrante / Emerson Gomes dos Santos - Integrante / Ariana Ribeiro Costa - Integrante / Boris Alejandro Villamil-Ramirez - Integrante / Alexandre Augusto Pereira Gaino - Integrante / Veneziano Castro Araujo - Integrante / Fábio Chaves do Couto e Silva Neto - Integrante / Vanessa Parreiras de Oliveira - Integrante / Leandro Alves Silva - Integrante / Wellington Marcelo Silva da Cruz - Integrante / Pablo Felipe Bittencourt - Integrante / Dannyela da Cunha Lemos - Integrante / Daniel Pedro Puffal - Integrante / Tatiane da Cunha Villela - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.