Membros

Foto do membro Eduardo Strachman

Eduardo Strachman | Logotipo Lattes

eduardo.strachman@gmail.com

Instituição: Unesp - FCLAr
Curso: Livre-docência
Início do curso: 2012
Entrada no GEEIN: 2000

Perfil

Professor Adjunto (Livre-Docente, 2012) Nível III, na Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP), onde leciona, desde julho de 2003. Possui Graduação (1986), Mestrado (1992) e Doutorado (2000), em Economia, pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Atua principalmente nos seguintes temas: economia industrial, economia e indústria brasileiras, políticas industriais (teoria e análises empíricas), organização industrial, estudos setoriais (inclusive do setor bancário), estudos comparados de industrialização, empresas transnacionais, instituições, macroeconomia, economia monetária e de bancos e sistemas financeiros (teoria e estudos empíricos). É pesquisador do CNPq, desde 1 de março de 2010 (como Bolsista de Produtividade em Pesquisa - PQ, em 2010-13 e 2014-17, e também, desde março de 2013, como Coordenador e Pesquisador do Projeto "A Crise Financeira 2007-2008, Continuidade e Repercussões sobre a Ciência Econômica e sua Metodologia: a Importância (ou não) de (algum) Realismo"). Foi, de 1 de agosto de 2007 a 31 de maio de 2013, Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Economia, do Departamento de Economia da Universidade Estadual Paulista (UNESP), por dois triênios consecutivos. Foi também Pesquisador Colaborador do Departamento de Política Científica e Tecnológica do Instituto de Geociências da UNICAMP, de março de 2002 a dezembro de 2014. Faz parte do Conselho Editorial da Revista Brasileira de Inovação (FINEP) e é parecerista de várias revistas acadêmicas, como Nova Economia (UFMG), Economia e Sociedade (IE-UNICAMP), Economia (ANPEC), Revista Brasileira de Inovação (FINEP), Revista de Economia Contemporânea (IE-UFRJ), Brazilian Keynesian Review (Associação Keynesiana Brasileira), Produção (POLI-USP), Revista de Economia (UFPR), Ensaios FEE, Economia Ensaios (UFU), Revista de Economia Política e História Econômica, Journal of Research in Economics and International Finance, International Research Journal of Management and Business Studies, Research in Business and Management, Universidad y Ciencia (México), Cuadernos de Economía (Bogotá, Colômbia), Universal Journal of Marketing and Business Research (Índia), African Journal of Business Management, E-conomics (The Kiel Institute for the World Economy - Alemanha), além de dar pareceres ad hoc ao CNPq, Capes, Fapesp, Programa de Mestrado e Doutorado em Políticas Públicas da UFPR, e consultoria, igualmente ad hoc, ao CGEE. Foi Membro da Association for Evolutionary Economics (EUA), de outubro de 2005 a outubro de 2006. É Membro da Associação Keynesiana Brasileira (AKB), desde junho de 2012, e da Sociedade Brasileira de Economia Industrial e Inovação (SBEIN), desde sua fundação, em agosto de 2015.

Projetos de pesquisa

2017 - Atual
Desempenho Inovativo e Políticas de Apoio ao Esforço Empresarial de Inovação no Brasil
Descrição: Esta pesquisa parte da premissa que, embora exista uma série de políticas e programas de apoio à inovação no Brasil, observa-se que a demanda empresarial por recursos para inovação é reduzida. Este baixo desempenho inovativo resulta na fraca presença do Brasil nos mercados internacionais, sobretudo nos setores de alto conteúdo tecnológico. Assim, o objetivo principal da pesquisa é compreender as causas do baixo dinamismo inovativo da indústria brasileira, a partir de indicadores de inovação para o Brasil e um conjunto de países selecionados. Pretende-se, com a construção destes indicadores, obter uma medida do hiato tecnológico entre o Brasil e estas economias e, a partir daí, avaliar a eficácia das políticas voltadas a inovação no Brasil (Projeto de Pesquisa-Regular-FAPESP-2016/23757-8, de 1/5/2017 a 30/4/2019).
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Eduardo Strachman - Coordenador / Enéas Gonçalves de Carvalho - Integrante / Mario Luiz Possas - Integrante / Paulo Cesar Brigante - Integrante / Sidnei de Caria - Integrante / Luana Naves - Integrante / Matheus Migliato - Integrante / Ana Paula Cassani Medeiros - Integrante / Charles Araujo de Souza - Integrante.
Financiador(es): Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - Auxílio financeiro.

2017 - Atual
Continuidade e Repercussões da Crise Financeira de 2007-2008 sobre a Ciência Econômica e sua Metodologia
Descrição: Projeto de Pesquisa como Bolsista de Produtividade em Pesquisa (PQ2), do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq ? 306300/2016-8), de 1 de março de 2017 a 29 de fevereiro de 2020..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Eduardo Strachman - Coordenador / Izabela Andrade dos Santos - Integrante / Lucas Alves da Silva - Integrante / Imira Taira Rando - Integrante / Luiz Eduardo Dias do Carmo - Integrante.
Financiador(es): Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - Bolsa.

2016 - Atual
Competitividade, Hiato Tecnológico e Políticas de Apoio ao Esforço Empresarial de Inovação no Brasil
Descrição: Esta pesquisa parte da premissa que, embora exista uma série de políticas e programas de apoio à inovação no Brasil, observa-se que a demanda empresarial por recursos para inovação é reduzida. Este baixo desempenho inovativo resulta na fraca presença do Brasil no mercado internacional, sobretudo nos setores de alto conteúdo tecnológico. Assim, o objetivo principal da pesquisa é compreender as causas do baixo dinamismo inovativo da indústria brasileira, a partir de indicadores de inovação para o Brasil e um conjunto de países selecionados. Pretende-se, com a construção destes indicadores, obter uma medida do hiato tecnológico entre o Brasil e estas economias..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Eduardo Strachman - Integrante / José Ricardo Fucidji - Integrante / Rogério Gomes - Integrante / Enéas Gonçalves de Carvalho - Integrante / Paulo Brigante - Integrante / Tatiana Massaroli de Melo - Integrante / Mario Luiz Possas - Coordenador.

2015 - 2016
Caracterização das Políticas de Apoio e do Esforço Empresarial de Inovação no Brasil
Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) José Ricardo Fucidji em 01/02/2016.
Descrição: Processo Fapesp 2015/14374-5. Vigência: 13/07/2015 a 12/01/2016. Embora exista uma série de políticas e programas de apoio à inovação no Brasil, observa-se que a demanda empresarial por recursos para inovação não é elevada. O objetivo principal da pesquisa é, desse modo, compreender as causas do baixo dinamismo inovativo da indústria brasileira, a partir de uma análise focalizada da no lado da demanda por recursos inovativos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Integrantes: Eduardo Strachman - Integrante / José Ricardo Fucidji - Coordenador / Enéas Gonçalves de Carvalho - Integrante / Ana Luiza Santos Martins - Integrante / Tatiana Massaroli de Melo - Integrante / Mario Luiz Possas - Integrante / Paulo Cesar Brigante - Integrante / Charles Araújo Souza - Integrante / Sidnei de Caria - Integrante.
Financiador(es): (FAPESP) Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.